F-1 Visto para Estudante Acadêmico

B-1 Visa O visto F-1 (estudante acadêmico) permite que estrangeiros entrem nos Estados Unidos como estudantes em tempo integral em uma faculdade, universidade, seminário, conservatório, escola secundária acadêmica, escola primária ou outra instituição acadêmica ou em um programa de formação linguística. Os estrangeiros devem estar matriculados em um programa ou curso de estudos que culmina em um diploma ou certificado e a escola para estrangeiros deve ser autorizada pelo governo dos Estados Unidos para aceitar estudantes internacionais.

Certos membros da família também podem acompanhar o portador do visto F-1 como dependentes. Um portador de visto F-1 pode ser acompanhado ou seguido por cônjuges e filhos solteiros moenores de 21 anos de idade. Cônjuges de portadores de visto F-1 não podem solicitar autorização de trabalho.

Os alunos F-1 não podem trabalhar fora do campus durante o primeiro ano acadêmico, mas podem aceitar emprego no campus sujeito a certas condições e restrições.

Após o primeiro ano acadêmico, os alunos F-1 podem se envolver em quatro tipos de emprego fora do campus:

  • Treinamento Curricular Prático (CPT)
  • Treinamento Prático Opcional (OPT) (pré-conclusão ou pós-conclusão)
  • Extensão de Treinamento Prático Opcional (OPT) de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM)
  • Graves dificuldades econômicas

Treinamento Curricular Prático (CPT)

O treinamento curricular prático é um tipo de emprego fora do campus para estudantes internacionais F-1 que estão cursando programas de estudo nos Estados Unidos e desejam adquirir experiência em suas áreas de estudo. O CPT não está disponível depois que o aluno conclui um programa de graduação.

O CPT é uma experiência acadêmica e não se destina a ser usado para trabalho regular fora do campus. Os alunos devem estar atentos para manter todos os requerimentos do CPT e do trabalho acadêmico relacionado ao CPT, já que esse emprego é parte integrante do programa de graduação. Os alunos precisarão reter cópias de todos os CPT I-20s anteriores ao se inscreverem posteriormente para o OPT.

Treinamento Prático Opcional (OPT) (pré-conclusão ou pós-conclusão)

O Treinamento Prático Opcional (OPT) é um emprego temporário que está diretamente relacionado à principal área de estudo de um aluno F-1. Os alunos qualificados podem se inscrever para receber até 12 meses de autorização de emprego OPT antes de concluir seus estudos acadêmicos (pré-conclusão) e/ou após concluírem seus estudos acadêmicos (pós-conclusão). No entanto, todos os períodos de OPT pré-conclusão serão deduzidos do período disponível de OPT pós-conclusão.

Tipos de OPT

Todos os OPT devem estar diretamente relacionados à principal área de estudo do aluno. Os alunos podem participar do OPT de duas maneiras diferentes:

  • OPT de pré-conclusão: Os alunos F-1 podem se inscrever para participar do OPT de pré-conclusão depois de matriculados na escola por um ano letivo completo. Os alunos autorizados a participar do OPT de pré-conclusão devem trabalhar meio período durante o período de aulas. Eles só podem trabalhar em tempo integral quando a escola não estiver em funcionamento.
  • OPT pós-conclusão: os alunos F-1 podem se inscrever para participar do OPT pós-conclusão após concluírem seus estudos. Os alunos autorizados para o OPT pós-conclusão podem trabalhar meio período (pelo menos 20 horas por semana) ou período integral.

Extensão de Treinamento Prático Opcional (OPT) de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM)

Os alunos que se formaram em determinados cursos nas áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática (STEM) podem solicitar uma extensão de 24 meses de sua autorização de emprego OPT pós-conclusão se:

  • É um aluno F-1 que recebeu um diploma na área de ciências, tecnologia, engenharia ou matemática (STEM) incluído na Lista de Programas de Graduação Designada de STEM (PDF),
  • São contratados por um empregador inscrito no E-Verify, e
  • Recebeu uma concessão inicial de autorização de emprego OPT pós-conclusão com base em seu diploma em um curso na área de STEM

Graves dificuldades econômicas

Um aluno F-1 passando por dificuldades econômicas imprevistas e severas que estão além do controle do aluno pode ser autorizado para receber uma autorização de emprego fora do campus.

Critérios de elegibilidade

Um aluno F-1 é elegível para se candidatar a um emprego com base em severas dificuldades econômicas se:

  • O aluno F-1 deve estar no status F-1 por um ano acadêmico completo
  • O aluno F-1 deve ter uma boa situação acadêmica e uma carga horária completa
  • O emprego não interferirá nos estudos do aluno F-1

O aluno F-1 pode demonstrar que o emprego é necessário para evitar graves dificuldades econômicas devido a circunstâncias econômicas imprevistas que estejam além de seu controle.